domingo, 6 de setembro de 2015

Dragon Ball Super | Análise Episódio 09


O episódio 9, exceto por 2 pontos bem interessantes, isso para não dizer ''bizarros'', foi praticamente idêntico ao que já foi visto no filme da Batalha dos Deuses. Shen Long é invocado para dar informações sobre o Super Saiyajin Deus, conta a lenda, se assusta com Bills e sai correndo, assim como já esperávamos. O ponto diferente foi o fato da Lenda do Super Saiyajin Deus estar presente nas antigas histórias Namek. Isso é intrigante porque, até onde sabemos, Nameks e Saiyajins não possuem nenhum tipo de ligação. Talvez isso queira dizer que os Nameks possuem informações privilegiadas de várias raças do universo, mas acho que isso é um tema que dificilmente será explorado. Outro ponto idêntico ao filme é acerca do problema de existirem menos Saiyajins do que o necessário para se realizar o ritual de Deus Saiyajin. No filme Bulma menciona o irmão do Vegeta, Tarble, porém dessa vez ele não foi mencionado, o que é bem triste, pois isso quer dizer que ele provavelmente não é canonico, já que como os filmes foram desconsiderados, a Ova ''O Retorno de Goku e seus Amigos'' também foi. Uma lástima, espero ainda poder vê-lo em Dragon Ball Super. Agora vamos aos 2 pontos intrigantes do episódio. Videl participa do ritual de Deus Super Saiyajin porque ela está grávida de Gohan, até ai tudo bem, porém, para a surpresa de geral, ela se transforma em Super Saiyajin!! Isso, se pararmos para pensar, é um momento histórico na franquia porque nunca antes uma mulher havia chegado a esse nível, exceto em jogos. Todavia, isso é um tanto bizarro, pois ela é humana. O que eu consigo pensar para justificar tal coisa é que, por estar grávida de um ser com genes saiyajins e participar do ritual, as energias de todos ali presentes se dividiram igualmente e a energia do feto se canalizou na mãe e o Super Saiyjin acabou se manifestando mesmo ela sendo humana. É capaz de termos tido também um feto Super Saiyajin, mas isso é assunto para outra hora. O outro ponto interessante foi o fato da transformação ter sido extremamente mais dramática, com uma trilha sonora épica e com direito a manifestações da natureza ao redor. Ficou extremamente imponente, realmente esse ritual foi Digno do nascimento de uma divindade, outro ponto em que o Super se superou. No próximo episódio teremos Goku contra Bills e pelos teasers essa luta vai destoar do filme porque o mesmo já trouxe o Goku desferindo um Kamehameha no modo Deus, algo que o filme não nos trouxe. Agora é torcer para essa luta ser ainda melhor do que a que já conhecemos!

Texto - Nicholas Lara



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...